Na ForMóbile, H Química se apresenta com um portfólio de produtos inovadores e sustentáveis, que prometem abrir novos mercados

A indústria química do Grupo Herval se sobressai pela fabricação de componentes para o setor moveleiro, que prezam pela qualidade e excelência na entrega dos produtos

 

Reconhecida como uma fornecedora de componentes inovadores, sustentáveis e que investe em pesquisas, a H Química, tradicional expositora da ForMóbile, apresenta suas consagradas e reconhecidas espumas do portfólio de produtos 2022.

Para este ano e sem citar números, a equipe comercial trabalha para crescer em torno de 22% em relação ao ano anterior. "A falta de insumos, provocada pela pandemia do Covid-19, associada ao forte trabalho de parcerias, nos trouxe novos clientes e estamos focados em aproveitar toda a nossa expertise para crescer ainda mais”, explica a gerente comercial da empresa, Odete Helena Spall Ody. Além do Brasil, os produtos desta indústria, do Grupo Herval, são exportados para diversos países.

Inovação e Sustentabilidade

Confiante nas políticas implementadas para a proteção ao meio-ambiente, a H Química está se credenciando para obter o selo "Origem Sustentável" em seus produtos.  Isso, para Odete, é "necessário para venda, onde já está sendo exigido por alguns parceiros".

Com 30 anos de mercado, a H Química é reconhecida também pelos seus investimentos em pesquisa. Com laboratório próprio e equipamentos de ponta para a execução dos mais variados testes exigidos para os produtos que fabrica, seu corpo técnico atua desde o desenvolvimento de novos produtos e formulações até o  controle de qualidade de matérias-primas e produtos acabados. A companhia também trabalha com outros laboratórios credenciados para realizar testes de seus produtos, seguindo normas e exigências do mercado.

A empresa possui ainda uma política de controle de substâncias restritas, que envolve toda a cadeia de fornecimento, atendendo às legislações nacionais e internacionais. Ainda dentro do conceito de sustentabilidade, opera um sistema de logística reversa de retalhos de espumas e dublagens e que são transformados em novos produtos, livrando o cliente do ônus da disposição dos resíduos. Também são usados polióis de fontes renováveis, reduzindo a dependência de materiais fósseis na composição dos produtos.